Anvisa reconhece a Cannabis sativa como planta medicinal

Anvisa reconhece a Cannabis sativa como planta medicinal

Conheça um pouco mais sobre a história da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e entenda o peso que esse reconhecimento tem na aplicação de tratamentos com medicamentos à base de Canabidiol

Você sabia que no Brasil existe um documento que reúne todos os nomes oficiais de medicamentos e seus componentes como os princípios ativos, as substâncias de interesse médico e as plantas medicinais, por exemplo?

Esse documento é a lista completa das Denominações Comuns Brasileiras (DCB), publicada pela primeira vez em 1981 e, desde então, serve como guia para todos os farmacêuticos no nosso país e conta, atualmente, com mais de 10 mil itens.

Em 2017, há quase 5 anos, foi a vez da Cannabis sativa entrar para a listagem e ser reconhecida formalmente como um componente legal que pode ser utilizado em medicamentos no Brasil.

Mas por que é tão importante ter o selo de reconhecimento da Anvisa? O que exatamente faz esse órgão governamental? E, o mais importante, como isso influenciou o uso da Cannabis medicinal no tratamento de doenças? É isso que vamos contar para você neste artigo!

Boa leitura.


As agências reguladoras no Brasil

Anvisa é a sigla para Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Recentemente, por conta das discussões em torno da vacina do Corona vírus, você deve ter ouvido falar muito dessa agência.

Até pouco tempo atrás, provavelmente, a Anvisa seria uma novidade para a grande maioria da nossa população. Mas ouvir falar da Anvisa é diferente de entender o papel dela. No nosso país, as agências reguladoras têm uma grande responsabilidade e, dentro do seu escopo de atuação, desempenham diversas tarefas, mas todas em torno de um objetivo: garantir a segurança e a qualidade do que chega nas nossas casas.

É assim com a Anatel, que é a Agência Nacional de Telecomunicações, e com a Aneel, responsável pela área da Energia Elétrica, que são agências que tratam de serviços que usufruímos o tempo todo e que, para um funcionamento correto, precisam atender a uma série de critérios. Mas não é diferente em outros setores, sejam eles de serviços ou produtos.

Se você curte um bom filme, já deve ter visto nas produções cinematográficas nacionais o logo da Ancine. A Agência Nacional do Cinema é o órgão que regulamenta o mercado audiovisual e a produção cultural do nosso país, aparecendo geralmente no início e nos créditos dos filmes.

Esses são só alguns exemplos, mas servem para ilustrar que a Anvisa faz parte de um conjunto de agências que funcionam para regulamentar e fiscalizar, de forma técnica e apartidária, garantindo os padrões de segurança e primando pela excelência dos produtos e serviços que trazemos para nossas famílias.


A Anvisa

A Anvisa é vinculada ao Ministério da Saúde e foi fundada em 26 de janeiro de 1999. Ela atua não só no controle de medicamentos, mas também fiscaliza alimentos, cosméticos, agrotóxicos laboratórios e mais uma série de coisas. A missão da agência é:

"Proteger e promover a saúde da população, mediante a intervenção nos riscos decorrentes da produção e do uso de produtos e serviços sujeitos à vigilância sanitária, em ação coordenada e integrada no âmbito do Sistema Único de Saúde”.


O que isso quer dizer na prática? 

Quer dizer que a proteção à saúde da população passa sempre pela atuação da Anvisa.

É ela quem visita os ambientes, fiscaliza os processos, realiza o controle de tráfego das importações, afere a qualidade dos insumos, monitora os preços dos medicamentos, garante condições de higiene e limpeza nos estabelecimentos e assim por diante.

Ou seja, desde o restaurante que você almoça até o preço que você paga no medicamento de dor de cabeça, teve o dedo regulador da Anvisa em algum momento. Falando em medicamentos, vamos dar só mais um exemplo da atuação da agência.

Todo produto medicinal contém um item obrigatório, a bula. Nesse pequeno pedaço de papel você encontra todas as informações sobre a medicação e sobre o seu uso seguro. Antes de chegar a você, essa bula, assim como todos os testes de segurança e eficácia do medicamento, obrigatoriamente, passaram pelo crivo da Anvisa.

Agora que já deu para dar uma rápida noção dos papéis das agências reguladoras e, especificamente, de como a Anvisa atua no nosso país, fica claro que o peso do reconhecimento da Cannabis Sativa como planta medicinal por parte da agência foi um marco importante para a medicina, não é mesmo?

 

Os remédios de CBD e a Anvisa

Em 2015, a Anvisa já havia admitido que o Canabidiol (CBD) possui propriedades terapêuticas. Mas com o reconhecimento da Cannabis sativa como planta medicinal em 2017, o mercado farmacológico mudou sua visão sobre a Cannabis medicinal e muitos médicos passaram a pesquisar mais sobre os tratamentos com CBD.

Este reconhecimento veio acompanhado de uma resolução que definiu critérios para a importação de produtos à base de Canabidiol. Nessa resolução foi regulamentada, por exemplo, a necessidade de autorização administrativa, por parte da agência, como documento obrigatório para que o paciente fizesse os trâmites de importação.

As balizas legais existem, mas têm evoluído. E essa é uma etapa importante para garantir a ética do processo, a qualidade dos produtos, a segurança do paciente e, principalmente, para indicar a evolução burocrática em relação ao tratamento com Cannabis no Brasil.

Além disso, a repercussão positiva das mudanças legislativas tem sido tão forte que a comunidade médica dá cada vez mais atenção aos tratamentos com Canabidiol. Esses procedimentos que se referem à facilitação dos processos de importação permitem que o tratamento com Cannabis seja reconhecido e provoque uma constante discussão e evolução entre os profissionais da área da saúde.

Junto da evolução das diretrizes legais dentro do país, existe a iniciativa de empresas especializadas nesse ramo da medicina e que querem fazer a diferença na vida de quem busca uma alternativa de tratamento, como nós, da LotusMed Brasil.


A LotusMed Brasil

Somos uma empresa focada no promissor mercado de Cannabis medicinal do grupo Lotusfarma, indústria farmacêutica com mais de 10 anos de atuação no mercado e com registros de medicamentos na ANVISA. Nosso propósito é melhorar a qualidade de vida das pessoas por meio de uma medicina natural, integral e eficaz.

Oferecemos medicamentos altamente qualificados, desenvolvidos em laboratórios nos EUA e Canadá e contamos com um atendimento exclusivo, para que todo o processo de aquisição seja acompanhado com o cuidado.

Além disso, fazemos todas as etapas do processo de importação, do acompanhamento ao paciente quando ele sai da consulta com a receita para comprar o Canabidiol, passando pela solicitação ANVISA, até a entrega do produto na sua casa sem nenhum custo adicional.

Existe uma grande gama de patologias como a insônia  e o Alzheimer que tem sido tratadas de forma eficiente com medicamentos à base de CBD, apresentando um alívio significativo dos sintomas e uma melhora na qualidade de vida.

Aqui na LotusMed, estamos preocupados em entregar o que existe de mais moderno em tratamento, e garantir o bem-estar do paciente e da família. Por isso, temos uma assistência exclusiva e personalizada para cada paciente, que abrange todas as questões burocráticas e legais, além de uma rede de médicos especialistas que você encontra no nosso site.

Estaremos com você em cada passo. Desde a revisão dos dados da receita prescrita pelo seu médico até a chegada do produto na sua residência.

Se quiser conversar conosco e entender mais sobre esse tratamento, clique aqui para entrar em contato ou ligue para os nossos telefones (21) 3449-2057/ (21) 96874-5075.

Se você já leu outros artigos do nosso blog, então compartilhe esse conteúdo com quem precisa saber da revolução que tem sido o Canabidiol na saúde de milhares de pessoas no Brasil e no mundo!

O conhecimento é a principal ferramenta para descontruir o preconceito em torno da Cannabis e democratizar o acesso a um dos mais promissores tratamentos da história recente da medicina.

Então, colabore para que nossa comunidade cresça cada vez mais e para que mais e mais pessoas tenham acesso aos nossos conteúdos. Compartilhe este artigo nas suas redes sociais e marque aquele amigo que precisa conhecer o blog da LotusMed.

Alzheimer e o tratamento com Cannabis Medicinal
Alzheimer e o tratamento com Cannabis Medicinal
Cannabis medicinal pode ajudar no tratamento de Alzheimer?
Cannabis medicinal pode ajudar no tratamento de Alzheimer?
O canabidiol e os transtornos de ansiedade e estresse
O canabidiol e os transtornos de ansiedade e estresse
Cannabis medicinal como tratamento de insônia
Cannabis medicinal como tratamento de insônia